Decreto publicado no Diário Oficial da União diz que saída de ex-ministro ocorreu no dia 19

Um decreto publicado nesta terça-feira, 23, no Diário Oficial da União “retifica” a exoneração do ex-ministro da Educação, Abraham Weintraub. De acordo com a nova publicação, a saída de Weintraub ocorreu no dia 19. Contudo, inicialmente, a exoneração havia sido publicada no último sábado, 20, mesmo dia em que Weintraub se apresentou como ministro ao desembarcar nos Estados Unidos. 

A saída de Abraham Weintraub do cargo de ministro da Educação foi anunciada através de um vídeo publicado em rede social. O ex-ministro ficou 14 meses no cargo. Como revelou o Estado, o presidente Jair Bolsonaro estava pressionado a fazer um gesto de trégua ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Decreto:

No Decreto de exoneração de ABRAHAM BRAGANÇA DE VASCONCELLOS WEINTRAUB, onde se lê “do cargo de Ministro de Estado da Educação”, leia-se” do cargo de Ministro de Estado da Educação, a partir de 19 de junho de 2020″.

Anúncio

Terra