Novo sedã compacto chega importado do México para ficar posicionado acima do nacional V-Drive

Agora construído sobre a base do SUV Kicks, o sedã compacto chega para ficar posicionado na linha acima do antigo Versa, que segue em produção com o nome de Versa V-Drive.

Nissan Versa SR. Foto: Divulgação

A marca japonesa ainda não divulgou o conjunto mecânico e a lista de equipamentos do novo Versa para o Brasil. Com este posicionamento “premium”, a possibilidade é que o novo Versa “brasileiro” seja baseado na versão Platinum CVT, a mais cara do mercado mexicano.

Nesta configuração, o novo Versa combina o motor 1.6 16V com câmbio automático CVT, e traz uma lista de equipamentos com com rodas de 17″ e um pacote de segurança com airbags laterais e de cortina, frenagem automática de emergência e monitor de pontos cegos.

Anúncio

Entre os principais rivais do sedã da Nissan destacam-se modelos como VW Virtus e Chevrolet Onix Plus, ambos disponíveis com conjuntos modernos, o que inclui motores turbo, de três cilindros, além de uma lista de equipamentos com central multimídia com espelhamento de celular, controles eletrônicos de estabilidade e tração, monitoramento da pressão dos pneus, entre outros itens.

Nissan Versa SR. Foto: Divulgação

O novo Versa não conta com motor turbo, apenas o 1.6 aspirado, mas terá disponível na versão mais equipada uma lista de itens como controle de velocidade de cruzeiro adaptativo (“piloto automático”), alerta de colisão iminente, entre uma série de outros equipamentos.Além disso, as questões do espaço interno e do estilo também devem pesar a favor do modelo da marca japonesa.

Carros IG