Polícia cumpre mandados na 3ª fase da operação Boi na Linha

0
(Foto: Ilustração/Reprodução) - Polícia cumpre mandados na 3ª fase da operação Boi na Linha

A Polícia Civil cumpre na manhã desta quarta-feira (22) em Rolândia e região, 25 mandados de prisão e 30 de busca e apreensão. A ação faz parte da 3ª fase da operação Boi na Linha, que visa combater golpes praticados contra proprietários de veículos roubados ou furtados no Estado.

O crime de extorsão ocorria por meio de ligações telefônicas, em que os suspeitos afirmavam estar com o bem da vítima e exigiam pagamento de resgate.

Sete mandados são de prisão preventiva e 18 de temporária. Entre os suspeitos estão homens e mulheres. Os mandados estão sendo cumpridos nas cidades de Centenário do Sul, Arapongas, Bandeirantes, Jaguapitã e Rolândia.

De acordo com a investigação o grupo criminoso praticava as extorsões sob grave ameaça. A partir de anúncios publicados nas redes sociais, os suspeitos obtinham informações sobre pessoas que tinham o veículo furtado ou roubado. Na sequência, determinados criminosos tinham a função de fazer a ligação e pedir o pagamento de resgate, com depósito em conta corrente.

Outros suspeitos do grupo criminoso, proprietários das contas bancárias, eram responsáveis por sacar o dinheiro e dividir o produto da extorsão entre os golpistas. Os proprietários das contas depositavam o pagamento dos demais criminosos em casas lotéricas. O objetivo dos saques e depósitos era evitar o rastreamento do dinheiro ilícito através de operações de transferência.

Os golpistas exigiam o pagamento de valores entre R$ 200 e R$ 2 mil às vítimas.

Boi na Linha

A operação Boi na Linha iniciou em 2018. Na 1ª fase, 12 mandados de prisão temporária e oito de busca e apreensão foram cumpridos em Brasília em dezembro do ano passado. Naquela época, em torno de cinco vítimas do golpe registravam boletim de ocorrência por dia.

Em fevereiro deste ano foi deflagrada a 2ª fase da operação, em que seis mulheres foram presas pela prática da extorsão, sendo cinco em Rolândia e uma em Curitiba. Nesse período, o número de vítimas do golpe caiu para cerca de 2 por dia.R

Fonte Massnews

Deixe um comentário