Homem simples, calado, amigo dos amigos, sério e competente em tudo que fazia, gaúcho de nascimento, mas um Missalense de coração e foi em Missal que viveu sua vida, construiu sua família e, agora ao partir, ficará na história deste município por tudo que fez em prol destas pessoas.

Um político diferente, exemplo a ser seguido por quem está na vida pública, e pra quem nela quiser entrar, além do compromisso com o dinheiro e as coisas públicas, ele sempre foi parceiro. Sua sala estava sempre aberta para qualquer pessoa entrar e conversar com ele. Fui testemunha disso, pois muitas vezes entrei para tomar chimarrão com ele. Sem cerimônias, era correto e objetivo. Tudo que lhe pediam ele procura resolver na hora, sem enrolação.

Sua palavra sempre valeu mais que contrato assinado.

Era normal ver este prefeito as 5 horas da manhã conferindo a saída dos ônibus da saúde que iam com pacientes para consultas. Sempre queria ver se o povo estava sendo bem atendido.

Ao assumir o cargo de prefeito procurou trazer para a administração parceiros que estavam com ele, e também pessoas que estavam na oposição, pois sempre me falava que ao assumir era para governar para a população de Missal, não somente para agradar amigos e que na sua administração não olharia partidos políticos e sim as pessoas. Um grande visionário, pois assim governou até seu último dia.

Pai dedicado, marido exemplar e uma pessoa de Caráter e coração grandioso. Não é por ter nos deixado que falo isso, mas porque isso é o espelho da verdade desse homem dedicado que tinha como objetivo melhorar a vida das pessoas.

São muitas conquistas entre verbas, maquinários e tantos projetos que começaram e que ainda começarão a ser realizados na cidade. Ele era incansável na busca por recursos junto a deputados e ao governador, sempre querendo aumentar a quantidade de benefícios para o povo.

Podemos ver a sua marca na Saúde, onde melhorou-se os postos de atendimento, funcionários, ambulâncias, remédios. Na Educação onde alunos tem hoje ônibus gratuitos para as faculdades. Nas Obras e na administração como um todo.

Partiu a poucos dias do seu aniversário de 58 anos, que seria nesta quarta feira dia 24, mas sua maior preocupação era com o aniversário do município de missal que é quinta feira dia 25.

E este ano a programação para os festejos está muito boa e, com certeza, em sua memória o seu sucessor Eduardo irá manter tudo que foi planejado.

Ontem foi um dia de muita tristeza no município de Missal, o povo chorou, cantou, aplaudiu e se despediu. Foi triste ver a saída do caminhão de bombeiros levando esse missalense para sua última morada. Mas fica como conforto a sua história, os seus ensinamentos e o exemplo de um homem de caráter que viveu sua vida em função de ajudar a melhorar a vida das pessoas.

Ao ver exemplos de vida como o do Maneco, percebo que nem tudo está errado e que a política no nosso país ainda tem jeito…. Você deixará saudades meu amigo “Maneco”